Poeta André Vasconcelos

Poeta André Vasconcelos
Mensageiro Natural de coisas Naturais

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Tudo Nosso

Tudo Nosso

Penso, que cada dia posso ter você.
Escrevo por extenso, o meu amor é imenso isso podes ver.
Desespero, sempre existiu quando não podia lhe ter.
Me releio, na sua ausência pra não mais sofrer.

Nunca, esqueço daquele amor tão bom.
Escuta, com nosso amor eu fiz uma canção.
Sempre me perturba, imaginar a gente fora do tom.
Vem e flutua, porque é seu todo meu coração.

Nega, deitemos nessa rede do amor...
Você me cega, arranco fora esse edredom.
A gente flerta, até mesmo na escuridão.
A hora é essa, mais uma estrofe da nossa canção.



Autor - André Vasconcelos

Um comentário:

Vander disse...

Boa mano, estas palavras confortam qualquer coração ou pensamento que estaja em vão...
É isso ai, vamos que vamos pois a poesia nos move.